Morrison, formado em cinema pela UCLA, depois de formado em um encontro casual com seu antigo amigo Ray Manzarek, leu pra ele seus poemas, incluindo "Moolight Drive", e decidiram montar uma banda de Rock e junto com Robby Krieger (guitarra) e John Densmore (bateria) formaram o The Doors, nome inspirado no livro de Aldous Huxley "The Door of Perception". Autor das músicas da banda, algumas causaram grande repercussão devido suas letras, como "Light My Fire" que chegou a ser proibida de tocar nas rádios de algumas cidades dos EUA.
Morrison morreu em 3 de Julho de 1971, na banheira, aos 27 anos de idade. Muitos fãs e biógrafos especularam sobre a causa da morte, se teria sido por overdose, pois era sabido que Jim não consumia heroín a. Outra hipótese seria um assassinato planejado pelas próprias autoridades do governo americano. Morrison foi referido como sendo o nº 4 a morrer misteriosamente, tendo sido os três primeiros Jimi Hendrix, Janis Joplin e Brian Jones (todos mortos com 27 anos). O relatório oficial diz que foi "ataque de coração" a causa da sua morte. Está sepultado no famoso cemitério do Père-Lachaise em Paris. Devido a atos de vandalismo de alguns fãs, por diversas vezes a associação de amigos do cemitério sugeriu que o corpo fosse transferido para outra necrópole.
Após a morte de Morrison, a banda continuou, consideraram inicialmente em substituir Morrison com novo vocalista. Chegou-se a afirmar que seria Iggy Pop. No entanto, Krieger e Manzarek ficaram com os vocais, lançando mais dois álbuns, Other Voices e Full Circle, e partiram em mais uma digressão. Ambos os álbuns venderam menos que os registos da era Morrison, e por isso os Doors pararam as actuações e as gravações no final de 1972.
Em todo o mundo, os seus discos e DVDs já venderam mais de 75 milhões de cópias, e continuam a vender cerca de 2 milhões anualmente.
Discografia

1967 - The Doors

1967 - Strange Days
1968 - Waiting For The Sun
1969 - The Soft Parade